Ele não pode desconfiar

– Ele tá chegando.

– Corre, corre! Todo mundo em seus lugares!

A porta se abriu sem a mínima cerimônia, como de costume. Chave na mesinha e mão no interruptor.

– SURPRESA! – todos gritaram simultaneamente.

– PUTA QUE PARIU! – gritou João. E caiu.

Gritos histéricos.

– PUTA QUE PARIU!

– PUTA QUE PARIU!

– NINGUÉM PRA LEMBRAR QUE O JOÃO ERA CARDÍACO, PORRA?

E todos tão atordoados para encontrar uma solução para o problema, que nem se deram conta de que João já estava de pé, apoiado no batente da porta, rindo até contorcer a barriga de toda a situação.

A tia gorda que já estava com a faca para cortar o bolo na mão ficou irada e partiu aos berros para cima do aniversariante.

– SEU FILHO DA PUTA! ISSO É COISA DE FAZER COM SUA TIA?

Mas nessa hora, por sorte de João, o microfone apareceu na câmera e o diretor gritou:

– Corta!

E fizeram um intervalo para recomeçar em cinco minutos.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s